AACC no Japão

 

A AACC marcou presença na Conferência Anual da Childhood Cancer International. Entre o dia 16 e 19 de novembro, os membros da CCI global realizaram a assembléia geral em Kyoto, no Japão. No evento houve uma exposição de arte com pinturas de crianças ou adolescentes com câncer.

 

Tema da Conferência: Cura Avançada, Cuidado Transformador

O tema da nossa conferência deste ano é o slogan da CCI: Cura Avançada, Cuidado Transformador. Isso se baseia na promessa dos membros fundadores, feita há 24 anos, de que crianças com câncer em todos os lugares receberão o melhor tratamento e cuidados possíveis. A conferência foi realizada de 16 a 19 de novembro de 2018 em Kyoto, uma das mais belas cidades históricas do Japão e a capital imperial do Japão por 1.000 anos.

Anfitrião Local: Associação de Câncer Infantil do Japão (também para celebrar 50 anos em 2018).
Local da Conferência: 16 de novembro: ROHM Theater Kyoto, 16 de novembro – 19 de novembro.

Os tópicos cobriram:
1) Compreendendo o impacto de ter uma criança com câncer na dinâmica da família (por exemplo, efeito na saúde dos pais e nas relações de casal, efeito nos irmãos e efeito na qualidade de vida da família);

2) Desembalagem de normas de cuidados para adolescentes e jovens adultos com câncer infantil;

3) Tendências emergentes em programas de atenção e reintegração de sobrevivência;

4) Explorando inovações e melhores práticas em cuidados infantis para o câncer (com foco em apoio psicossocial, nutrição, educação, cuidados de apoio, luto e luto, cuidados paliativos e controle da dor);

5) O papel e contribuições dos pais e famílias no tratamento e cuidados multidisciplinares;

6) Engajar e mobilizar as partes interessadas para o crescimento e impacto organizacional.

Selva de Pedra

A AACC foi representada pela pela obra “No meio da Selva” de Maxwell Lessa Soares, paciente da AACC.

Pintura em guache, uma releitura da experiência de 9 anos chegando a São Paulo (Selva de Pedra), devido ao tratamento

Pintura em guache, uma releitura da experiência de 9 anos chegando a São Paulo (Selva de Pedra), devido ao tratamento.


Apoiadores